<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d17438737\x26blogName\x3dPensar+de+Alto\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dTAN\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://pensardealto.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://pensardealto.blogspot.com/\x26vt\x3d3723253789723581049', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script><!-- --><div id="flagi" style="visibility:hidden; position:absolute;" onmouseover="showDrop()" onmouseout="hideDrop()"><div id="flagtop"></div><div id="top-filler"></div><div id="flagi-body">Notify Blogger about objectionable content.<br /><a href="http://help.blogger.com/bin/answer.py?answer=1200"> What does this mean? </a> </div></div><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/3/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" name="b-search" action="http://search.blogger.com/"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/3/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a id="flagButton" style="display:none;" href="javascript:toggleFlag();" onmouseover="showDrop()" onmouseout="hideDrop()"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/3/flag.gif" name="flag" alt="Flag Blog" width="55" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/3/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="as_q" /><input type="hidden" name="ie" value="UTF-8" /><input type="hidden" name="ui" value="blg" /><input type="hidden" name="bl_url" value="gatas-qb.blogspot.com" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/3/btn_search_this.gif" alt="Search This Blog" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google Blog Search" onclick="document.forms['b-search'].bl_url.value='gatas-qb.blogspot.com'" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/3/btn_search_all.gif" alt="Search All Blogs" value="Search" id="b-searchallbtn" title="Search all blogs with Google Blog Search" onclick="document.forms['b-search'].bl_url.value=''" /><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- var ID = 6860457;var HATE_INTERSTITIAL_COOKIE_NAME = 'dismissedInterstitial';var FLAG_COOKIE_NAME = 'flaggedBlog';var FLAG_BLOG_URL = 'http://www.blogger.com/flag-blog.g?nav=3&toFlag=' + ID;var UNFLAG_BLOG_URL = 'http://www.blogger.com/unflag-blog.g?nav=3&toFlag=' + ID;var FLAG_IMAGE_URL = 'http://www.blogger.com/img/navbar/3/flag.gif';var UNFLAG_IMAGE_URL = 'http://www.blogger.com/img/navbar/3/unflag.gif';var ncHasFlagged = false;var servletTarget = new Image(); function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} function blogspotInit() {initFlag();} function hasFlagged() {return getCookie(FLAG_COOKIE_NAME) || ncHasFlagged;} function toggleFlag() {var date = new Date();var id = 6860457;if (hasFlagged()) {removeCookie(FLAG_COOKIE_NAME);servletTarget.src = UNFLAG_BLOG_URL + '&d=' + date.getTime();document.images['flag'].src = FLAG_IMAGE_URL;ncHasFlagged = false;} else { setBlogspotCookie(FLAG_COOKIE_NAME, 'true');servletTarget.src = FLAG_BLOG_URL + '&d=' + date.getTime();document.images['flag'].src = UNFLAG_IMAGE_URL;ncHasFlagged = true;}} function initFlag() {document.getElementById('flagButton').style.display = 'inline';if (hasFlagged()) {document.images['flag'].src = UNFLAG_IMAGE_URL;} else {document.images['flag'].src = FLAG_IMAGE_URL;}} function showDrop() {if (!hasFlagged()) {document.getElementById('flagi').style.visibility = 'visible';}} function hideDrop() {document.getElementById('flagi').style.visibility = 'hidden';} function setBlogspotCookie(name, val) {var expire = new Date((new Date()).getTime() + 5 * 24 * 60 * 60 * 1000);var path = '/';setCookie(name, val, null, expire, path, null);} function removeCookie(name){var expire = new Date((new Date()).getTime() - 1000); setCookie(name,'',null,expire,'/',null);} --></script><script type="text/javascript"> blogspotInit();</script><div id="space-for-ie"></div>

segunda-feira, janeiro 02, 2006

Com Desculpa Custa Menos (a alguns)

Estamos a 2 de Janeiro de 2006, o primeiro dia útil deste novo ano, e a primeira coisa que me ocorreu hoje, quando acordei, foi que não tinha sexo desde o ano passado. Achei tal omissão um acto quase criminoso. Como é possível alguém poder dizer que desde 2005 que não tem sexo?
Mas é verdade. Eu, desde 2005 que não tenho sexo.
Ainda tentei atenuar este meu comportamento omissivo pensando que muitos outros estariam como eu, mas tal não me consolou. É que o mal dos outros não me ajuda em nada, embora saiba que muitos têm prazer assim. Fraco consolo o deles, direi eu.
Não conseguindo ter um orgasmo com recurso à desgraça alheia, optei por pensar que hoje era o primeiro dia útil do ano de 2006, o que desde logo minimizou o efeito da falta da queca.
Na verdade, se hoje é o primeiro dia útil, significa isso que ontem foi um dia inútil, o que desde logo impediria a prática de algo tão prazenteiro - num dia inútil não se podem ter práticas úteis à estabilidade emocional, porque isso seria um desperdício.
Aliás, o dia 31 de Dezembro de 2005, também não foi dia útil, isto é, foi inútil, o que, tendo por bom o raciocínio anterior, me leva a concluir que estou impossibilitado de ter sexo desde o ano passado.
O que ainda mais atenua a falta do mesmo.
No fundo, desde o ano passado que estou impedido de ter sexo porque até hoje foram sempre dias inúteis.
É verdade que alguns tiveram sexo nesses dias, mas como já se viu, foi puro desperdício, porque eram inúteis.
Agora sim, estou satisfeito. Não tenho sexo desde o ano passado porque os dias eram inúteis e quem fez teve a fazer para o "boneco" pela mesma razão.
Não sei porquê, mas este raciocínio, embora à primeira vista pareça que me faz sentir melhor, deixa-me cá a ideia que quem fez nestes dias está melhor do que eu.
Ora, mas assim como eu não me satisfaço com o mal dos outros também não sou invejoso, pelo que se estão melhor deixá-los estar.
O que interessa é que não tenho sexo desde o ano passado, mas o impedimento é causa justificativa bastante, porque os dias eram inúteis.
Por outras palavras, já arranjei desculpa que nem envolve os outros.
E é certo que a alguns basta arranjar desculpa que já se sentem melhor.Seja no que for.
O pior é que eu não me sinto melhor.
Vou ver é se faço o que me apetece e me deixo de teorias.


17 Comments:
Anonymous BReal said...

Viva a sinceridade! Considero mesmo um acto de coragem, tal sinceridade, num meio onde a maior parte das pessoas conta episódios de sexo fantásticos. Uma boa maneira de começar um ano.
Beijos.

1/02/2006 6:21 da tarde  
Anonymous Lolaviola said...

Os dia inúteis são como as carícias sem pele, como os orgasmos gemidos em silêncio, como os amores por amar, como os sonhos por realizar e como as palavras interditas...

"As palavras que te envio são interditas

As palavras que te envio são interditas
até, meu amor, pelo halo das searas;
se alguma regressasse, nem já reconhecia
o teu nome nas suas curvas claras.

Dói-me esta água, este ar que se respira,
dói-me esta solidão de pedra escura,
estas mãos nocturnas onde aperto
os meus dias quebrados na cintura.

E a noite cresce apaixonadamente.
Nas suas margens nuas, desoladas,
cada homem tem apenas para dar
um horizonte de cidades bombardeadas."

Eugénio de Andrade

1/02/2006 6:22 da tarde  
Blogger Penetrador said...

Embora seja leitor frequente do teu blog, resolvi hoje começar a comentar :).
Gostei da teoria e do ponto de vista focado.
Espero, pela mesma ordem de ideias, que hoje tenha sido um dia útil para ti e com bastante produtividade depois de tantos dias inúteis seguidos eheeh.
Um abraço

1/02/2006 7:39 da tarde  
Blogger SafadaVirtual said...

hehehehehhehehe Pois eu curti essa dos dias inúteis hehehe tchiiiii farto-me de usar esses dias com sexo e afinal....é tudo inutil! hehehhe realmente nunca tinha visto a coisa por esse lado. Está certo! está sim senhor. Mas numa concordo contigo, é uma boa desculpa, sem duvida. Bem melhor do que te "desculpares" com os outros. Já agora! hehehe a tua última vez, terá sido o último dia hutil do ano? hehehe Beijoca grande

1/02/2006 9:46 da tarde  
Blogger AnAni said...

O que eu me ri aqui contigo, Carlos, é indescritível... :-)
Mas o sexo também é inútil... se não lhe dermos uso. Portanto, vai tratar disso já e deixa-te de teorias! :-)
Beijinhos e agora vou ler os outros comentários.

1/03/2006 12:51 da manhã  
Blogger Amaterasu said...

Fazes bem em não se sentir melhor com o mal dos outros, ruim seria o contrário. rs Eu também não me sinto melhor com desculpas. Desculpas nunca me fizeram ter o sexo que eu não tive. rs
Beijos

1/03/2006 3:20 da manhã  
Blogger Borboleta said...

As teorias não são más, mas a prática é bem melhor, sem duvida.
venham dias uteis, que de inutilidades estamos todos fartos :))
beijo e bom sexo

1/03/2006 10:00 da manhã  
Blogger Felina said...

Pois bem Carlos, espero que tenhas dado utilidade a este dias, pois de pessoas inúteis está o mundo cheio e eu já pude constatar que isso é que tu não és... agora em relação aos dias, somos nós que fazemos deles produtivos ou não.

Fartei-me de rir contigo, és fantástico1
Beijo grande para ti!

1/03/2006 10:56 da manhã  
Blogger sonia r. said...

Obrigada pelo link. Bjinhos.

1/03/2006 2:11 da tarde  
Blogger Vivian said...

pois, olha! A mim não me convences com teorias....ou terás uma para o facto de eu não ter sexo desde 30 de Outubro do ANO PASSADO??! ÃH!?

1/03/2006 2:33 da tarde  
Blogger FZ said...

Hehe...

Carlos, como eu costumo dizer (a brincar?) quando estou em baixo [tipo agora]: "isto é falta de sexo"...

Eu entendo-te ;)

Bons escritos (e inspirações) para este 2006!

Abraço

1/03/2006 2:34 da tarde  
Blogger Pinto Ribeiro said...

hum...ora boa noite.

1/03/2006 8:06 da tarde  
Blogger Sol said...

Nem tudo se baseia em sexo... mas claro falo por mim. Sexo sem dúvida faz parte de um bem estar fisico e psicológico mas não é essência da vida. Acordar ao lado de alguém com quem apenas se fez sexo é tão vazio q realmente deve ser inútil além de complicado porque desejamos que essa pessoa vá embora. Se os outros aproveitam ou não os dias úteis é ínutil pensar nisso pois não vai alterar em nada o nosso estado tal como tu disseste.

Hum...Por vezes a teoria leva-nos a bom porto.

Beijo e bom sexo...

1/03/2006 10:36 da tarde  
Blogger {-Sutra-} said...

Nada como viver a sexualidade com toda a naturalidade, encarando-o como natural quando existe, sem preconceitos de falar dele, e falando de igual modo quando ele também não existe... desde o ano anterior! ;-)
Olha eu também não tenho desde o ano passado, embora faça parte do grupo dos que o fez em dia inútil. Claro que não o considero uma inutilidade, até porque algo de tanto prazer não poderia ser inútil, mesmo feito em dia inútil.

Carlos, delicioso, este texto! Dos melhores que li :-) O que não me admira em ti ;-)

Beijo doce

1/04/2006 12:21 da manhã  
Blogger Amanda said...

Quanto a mim aproveitei, muito bem, os dias inúteis... e quanto a ti espero que tenhas aproveitado, maravilhosamente, o primeiro dia útil!!! Beijos

1/04/2006 10:13 da manhã  
Blogger Manefta said...

Carlos pensar mto nisso é que é capaz de fazer malinho. Como já vem atrasado o comentário espero que os dias úteis já tenham sido preenchidos lol Pk sexo é bom e pronto, do util, do inutil, mto dele mas é .

1/04/2006 1:07 da tarde  
Blogger Carlos said...

Breal
Cada um conta o que quer e como quer.Por aqui eu limito-me a contar a verdade.
Beijos

LolaViola
Obrigado pelo poema.Adoro Eugénio de Andrade.
Beijos

Penetrador
Obrigado por te decidires a comentar.Quanto ao dis úteis estou cá em crer que são todos desde que haja sexo...Mas sabe sempre arranjar uma desculpa qd as coisas não nos correm bem
Um Abraço

Safada Virtual
Ainda bem para ti que fazes do inútil útil...eu vou fazendo o mesmo dentro do possível com as limitações decorrentes de não ser muito dado a virtualidades.
Beijos

Anani
Se te riste fico contente.E descansa que eu não sou muito dado a teorias, mas obrigado pela preocupação....lol
Beijos

Suave
Realmente as desculpas não são terapia substitutiva, pelo menos para mim...gosto é mesmo do dito.
Beijos

Borboleta Assanhada
Não posso estar mais de acordo.Fim à inutilidade.
Beijos

Simplesmente....mulher
Obrigado pelas tuas palavras.
faço sempre os possíveis para não ser um inútil, mas nem sempre consigo e outras vezes não me deixam.
Beijos

Safo
Obrigado pela visita.
Beijos

Marta
Por acaso até tenho uma teoria para isso.
O mal não é teu, mas dos homens que para ti olham que, perante o teu encanto se sentem incapazes de a ti almejar.Eu falo por mim, mas estou certo que os outros tb assim são.
E se não forem são cegos.E parvos.
Beijos

Fz
Obrigado pela visita e pelas tuas palavras.Tudo de bom para ti.
Um Abraço

Pinto Ribeiro
Entendendo o "humm" como concordãncia (ou discordãncia, tanto dá)não posso deixar de te manifestar o meu apreço por um espírito tão sintético na análise.
Boa Tarde.
Um Abraço

Sol
Se me levarem a bom porto fico feliz
Agradeço-te votos de bom sexo.
Beijos

Sutra
Obrigado pelas tuas lindas palavras.Exageradas quanto ao mérito do escriba, mas boas de ouvir.
também acho que do inútil se faz útil quando vale a pena que isso aconteça.
Beijos

Amanda
Fico feliz por ti e gosto mt de te ver por aqui.
Beijos

Manefta
Ora benhe,
Tu nunca vens atrasada....chegas sempre a tempo e a prova é que estou aqui a responder-te.
Já deixei de pensar no assunto e fiquei logo mt melhor.
Beijos

1/04/2006 6:35 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home